O projeto colaborativo OBEDUC/UFMT/ e seus desdobramentos em redes de estudos e pesquisa

Autores

  • Simone Albuquerque da Rocha

DOI:

https://doi.org/10.31639/rbpfp.v9i16.166
Abstract views: 550 / PDF downloads: 335

Palavras-chave:

OBEDUC, Formação de Professores iniciantes, Projeto colaborativo e redes de pesquisa

Resumo

O artigo socializa as atividades de estudos e pesquisas em redes de ensino e de colaboração desenvolvidas pelo projeto OBEDUC/CAPES/INEP/SECADI a partir de sua aprovação no edital n.49 de 2013, tendo o início de suas atividades em 2014 no Programa de Pós-Graduação em Educação na UFMT/Câmpus de Rondonópolis (CUR). A proposta do projeto objetiva levantar, analisar e propor alternativas para o que apresentam os pro-fessores em início de carreira acerca de seus dilemas, enfrentamentos, desafios e necessidades formativas. O OBEDUC/UFMT /CUR delegou aos professores a autoria da pauta de sua formação e nesse processo a articulação entre a coordenação, os mestrandos, os graduandos e as escolas, envolve as redes municipal e estadual de ensino. Deste projeto colaborativo surgem as pesquisas dos envolvidos a partir dos estudos coletivos em redes de formação, resultando em produções que subsidiam e fomentam temas pouco explo-rados nessa área. Evidenciou-se ainda que a participação das escolas e de seus professores iniciantes tem modificado a cultura de inserção dos iniciantes no campo do trabalho docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.
 PlumX Metrics

Referências

ANDRÉ, Marli E. D. A. et al. Os saberes e o trabalho do professor formador num contexto de mudanças. Anais da 33ª reunião da Anped/2010. Disponível em: < http://33reuniao.anped.org.br/33encontro/app/webroot/ files/file/Trabalhos%20em%20PDF/GT08-6743--Int.pdf> acessado em 2015.

ANDRÉ, M. et al. O papel do outro na constituição da profissionalidade de professoras iniciantes. Revista Eletrônica de Educação, v.11, n.2, p. 505-520, jun./ago., 2017. Disponível em: <http://www.reveduc.ufscar. br/index.php/reveduc/article/view/2231>. Acesso em: 20 set. 2017.

BEILLEROT, Jacky. La Formacion de Formadores: entre la teoria y la práctica. Buenos Aires-Argentina: Ediciones Novedades Educativas, 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Observatório da Educação/CAPES/INEP/SECADI. Projeto submetido e aprovado no Edital 49/2012. Projeto 24232 Egressos da Licenciatura em Pedagogia e os desafios da prática em narrativas: a universidade e a escola em um processo interdisciplinar de inserção do professor iniciante na carreira docente, UFMT/PPGEDU/Câmpus Universitário de Rondonópolis.

CARDOSO, F.M.; SILVA, A. P.; SOUZA, C. R. G.. Formação Inicial para além da Sala de Aula: grupos colaborati-vos e aprendizagens formativas de graduandas da pedagogia. In: II Seminário Formação Docente: intersecção entre universidade e escola necessidades formativas nas/das licenciaturas. 12 a 14 de Junho. Anais... UEMS MS – Dourados. Disponível em: https://www.geppef.com.br/seminario. Acesso em: 31 ago.,, 2017.

DAY, Christopher. Desenvolvimento profissional de professores: os desafios da aprendizagem permanente. Tradutora: Maria Assunção Flores. Portugal: Porto Editora, LDA. 2001.

GATTI, B. A.; BARRETO, E. S. de S.; ANDRÉ, M. E. D. de A. Políticas docentes no Brasil: um estado da arte. Brasília: UNESCO, 2011.

GABARDO, Cláudia Valéria; HOBOLD, Márcia de Souza. Início da docência: investigando professores do ensino fundamental. Form. Doc., Belo Horizonte, v. 03, n. 05, p. 85-97, ago./dez. 2011.

FRANÇA, Márcia Socorro dos Santos. O desenvolvimento profissional dos professores iniciantes egressos do curso de licenciatura em Pedagogia: um estudo de caso. Rondonópolis, MT: UFMT. 138 f. 2016. Dissertação (Mestrado) Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Programa de Pós-Graduação em Educação. Rondonópolis, 2016.

HUBERMAN, M. O ciclo de vida profissional de professores. In: Nóvoa, A. (org.) .Vida de professores. Portugal: Porto Editora. 2013.

IMBERNÓN, Francisco. Formação continuada de professores. Tradução Juliana dos Santos Padilha. Porto Alegre: Artmed, 2009.

______. Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. Tradução: Silvana Cobucci Leite. 9 ed. São Paulo: Cortez, 2010.

LORENZZON, Marcia Roza. Narrativas dialogadas nos diários de campo reflexivos de professores iniciantes: possibilidades de autoformação.Dissertação de Mestrado- Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Programa de Pós-Graduação em Educação, Rondonópolis, MT, 2017.

MARCELO, Carlos. Formação de Professores: para uma mudança educativa. Portugal: Porto Editora, 1999.

______ . Desenvolvimento Profissional Docente: passado e futuro. Revista de Ciência da Educação, 08, Jan/ abr. 2009, p. 7-22. Disponível em: <132.248.192.201/seccion/bd_iresie/iresie_busqueda.php? indice...>. Acesso em: 02 abr. 2014.

______. O professor iniciante, a prática pedagógica e o sentido da experiência. Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação Docente. Belo Horizonte, v. 03, n. 03, p. 11-49, 3156 ago./dez. 2010. Disponível em: < http://formacaodocente.autenticaeditora.com.br>. Acesso em: 23 jul. 2015

MARCELO, Carlos. VAILLANT, Denise. Desarrollo professional docente: como se aprende a enseñar? 3. ed. Madrid/España: Narcea, 2013.

MATSUOKA, Sílvia de Oliveira. A formação de Professores Formadores do Cefapro-MT: desenvolvimento e identidade profissional. Tese de Doutorado em Educação: Psicologia da Educação. PUC/São Paulo, 2015.

MIRA, Marília Marques; ROMANOWSKI.Joana. Programas de inserção profissional para os professores ini-ciantes: uma análise da produção científica do IV Congresso Internacional Sobre Professorado Principiante e Inserção Profissional à docência. In: X ANPED SUL, 2014, Florianópolis. Anais ... Florianópolis, 2014, p. 1-19. Disponível em:<http://xanpedsul.faed.udesc.br/arq_pdf/75-0.pdf>. Acesso em: fev. 2015.

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti et al. Escola e aprendizagem da docência: processos de investigação e formação. São Carlos: EdUFSCar, 2002.

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti. Aprendizagem da docência: algumas contribuições de L. S. Shulman. Revista Educação, Vol. 29, n° 02, jul./dez. 2004 2004.UFSM

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti; REALI, Aline Maria de M. Rodrigues. Práticas profissionais, formação inicial e diversidade: análise de uma proposta de ensino e aprendizagem. In: MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti; REALI, Aline Maria de M. Rodrigues. Aprendizagem profissional da docência. São Carlos: EdUFSCar, 2005.

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti; REALI, Aline Maria de M. Rodrigues; TANCREDI, Regina Maria Simões Puccinelli. Mentores e Professores Iniciantes em Interação: possibilidades formativas da educação online. Revista Cet, vol. 01, nº 02, abril/2012.

NACARATO, A. A parceira universidade-escola: utopia ou possibilidade de formação continuada no âmbito das políticas públicas. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro: ANPEd, vol.21, n.66, p. 699-716, jul--set. 2016.

NONO, Maévi Anabel; MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti. Processos de formação de professores iniciantes. UNESP e UFSCar, 2006. Anais... Disponível em: <http://29reuniao.anped.org.br/>. Acesso em: nov. 2014

NÓVOA, António. Formação de professores e trabalho pedagógico. Lisboa: Educa, 2002 . Professores Imagens do futuro presente. Lisboa: EDUCA, 2009 .PASSOS, L. F.. Práticas Formativas em Grupos Colaborativos: das Ações Compartilhadas à Construção de Novas Profissionalidades. In: André, M. (Org.) Práticas Inovadoras na Formação de Professores. Papirus Editora. 2016.

PASSEGGI, Maria Conceição. Memorial de formação. In: OLIVEIRA, D.A.; DUARTE, A.M.C.; VIEIRA, L.M. F. DICIONÁRIO: trabalho, profissão e condição docente. Belo Horizonte: UFMG/Faculdade de Educação, 2010. CDROM

PASSEGGI, M. C.; GASPAR, M. M. G. Acompanhamento e dispositivos de mediação biográfica: memorial de formação, grupos reflexivos e diário de acompanhamento. In:

PASSEGGI, Maria Conceição; VICENTINI, Paula Perin; SOUZA, Elizeu Clementino. Pesquisa (Auto)biográfica: Narrativas de si e formação. Curitiba: CRV, 2013. p. 63-81.

PASSEGGI, Maria Conceição et al. Formação e pesquisa autobiográfica. In: SOUZA, Elizeu Clementino de, (Org.). Autobiografias, histórias de vida e formação: pesquisa e ensino. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2006.

REALI, A. M. M. R.; MIZUKAMI, M. G. N. Desenvolvimento profissional da docência: teorias e práticas (org.). São Carlos: EduFCar, 2008.

ROCHA, Simone Albuquerque; ANDRÉ, Marli E. A. D. de. Os memoriais na licenciatura: narrativas dos entre--espaços da formação docente. In: ROCHA, Simone Albuquerque da. Formação de professores: licenciaturas em discussão. Cuiabá: EDUFMT, 2010.

ROCHA, Simone Albuquerque da. O grupo investigação e os desdobramentos possíveis na sua trajetória de pesquisa. II Simpósio de grupos de pesquisa sobre formação de professores do Brasil. GT 8 Anped. Guarulhos, 2016. Disponível em:< http://www.anped.org.br/news/iii-simposio-de--grupos-de-pesquisa-sobre-formacao-de-professores-do-brasil-03-e-04-de-outubro/2016>. Acesso em: 10 de dezembro de 2016.

SOUZA, Sueli de Oliveira. Desenvolvimento profissional do professor experiente no projeto colaborativo universidade/escolas: desafios e necessidades formativas. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Programa de Pós-Graduação em Educação, Rondonópolis, 2017.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 9. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008.

TARDIF, Maurice; LESSARD, Claude. O trabalho docente: elementos para uma teoria da docência como profissão de interações humanas. 9. ed. Petropolis/RJ: Vozes, 2014.

URETA, Consuelo Vélaz de Medrano. Competências del Professor-Mentor para el acompanhamento al pro-fesorado principiante. Profesorado-Rev.de currículum y formación del professorado, Madri/Espanha, v. 13, n. 1, 2009. p. 209-229.

VAILLANT, D. Formação de formadores: estado da prática. Documento do Programa de Promoção da Reforma Educativa na America Latina e Caribe – PREAL, no.25, outubro,2003.

VAILLANT, Denise; MARCELO, Carlos. Ensinando a ensinar: as quatro etapas de uma aprendizagem. Curitiba: Ed. UTFPR, 2012.

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

ROCHA, S. A. da. O projeto colaborativo OBEDUC/UFMT/ e seus desdobramentos em redes de estudos e pesquisa. Formação Docente – Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação de Professores, [S. l.], v. 9, n. 16, p. 123–142, 2017. DOI: 10.31639/rbpfp.v9i16.166. Disponível em: https://revformacaodocente.com.br/index.php/rbpfp/article/view/166. Acesso em: 17 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos