Grupo de estudos em Intermulticulturalidade e Formação de Professores(as) – GEIFOP

Autores

  • Emília Freitas de Lima
  • André Luiz Sena Mariano Universidade Federal de Alfenas

DOI:

https://doi.org/10.31639/rbpfp.v10i18.195
Abstract views: 316 / PDF downloads: 209

Palavras-chave:

Formação de professores, Professores inciantes, Currículo em ação, Intermulticulturalidade

Resumo

O texto apresenta as principais características do Grupo de Estudos em Intermulticulturalidade e Formação de Professores(as) (GEIFoP). Sua estrutura contempla os elementos constantes das apresentações dos grupos participantes do III Simpósio de Grupos de Pesquisa sobre Formação de Professores no Brasil, realizado de 3 a 4 de outubro de 2016, em Guarulhos SP. O grupo, iniciado em 2007, atua em três frentes: relações entre questões intermulticulturais e formação inicial e continuada de professores, enfatizando a discussão dos saberes docentes; relações intermulticulturais no currículo em ação; processos de aprendizagem profissional da docência, especialmente dos iniciantes. As pesquisas e intervenções realizadas pelo grupo impactam o currículo em ação nos anos iniciais do ensino fundamental, da educação de jovens e adultos e do ensino superior, assim como a formação de professores desses e para esses níveis e modalidade de ensino, tendo em vista a abordagem de questões intermulticulturais.

Downloads

Não há dados estatísticos.
 PlumX Metrics

Referências

ANDRADE, Marcelo. Ética mínima e educação plural: em busca de fundamentos ético-filosóficos para uma educação intercultural. In: CANDAU, Vera (org.). Educação Intercultural e cotidiano escolar. Rio de Janeiro: 7Letras, 2006, pp. 238-255.

CANDAU, Vera. Sociedade multicultural e educação: tensões e desafios. In: ______ (org.). Cultura(s) e educação: entre o crítico e o pós-crítico. Rio de Janeiro: DP&A, 2005, pp. 13-37.

CUCHE, Denys. A noção de cultura nas ciências sociais. Bauru – SP: EDUSC, 2002.

EAGLETON, Terry. A ideia de cultura. São Paulo: Editora UNESP, 2010.

GAUTHIER, C. et al. Por uma teoria da Pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. 2a ed. Ijuí: Ed. Unijuí, 2006.
KINCHELOE, Joe L. A formação do professor como compromisso político. Mapeando o pós-moderno. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

LIMA, Emilia Freitas de; MARIANO, André Luiz Sena. Uma aproximação à interculturalidade nas práticas pedagógicas escolares: qual o lugar dos saberes docentes?. In: CANDAU, Vera Maria. (Org.). Interculturalizar, descolonizar, democratizar: uma educação “outra”?. 1ed. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2016, v. 1, p. 322-340.

LIMA, Emilia Freitas de. Apontamentos sobre ensino e formação de professores intermulticulturais. Série-Estudos (UCDB). Campo Grande-MS, n. 27, p. 65-81, jan./jun. 2009.

MCLAREN, Peter. Multiculturalismo crítico. 3ª ed. São Paulo: Cortez, 1997.

TARDIF, M. LESSARD, C. e LAHAYE, L. Os professores face ao saber: um esboço de uma problemática do saber docente. Teoria e educação: Porto Alegre, n. 4, 1991.

WILLIAMS, Raymond. Cultura. São Paulo: Paz e Terra, 1992.

WILLIAMS, Raymond. Marxismo e Literatura. Rio de Janeiro: Zahar, 1979.

Downloads

Publicado

2018-12-21

Como Citar

DE LIMA, E. F.; MARIANO, A. L. S. Grupo de estudos em Intermulticulturalidade e Formação de Professores(as) – GEIFOP. Formação Docente – Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação de Professores, [S. l.], v. 10, n. 18, p. 19–30, 2018. DOI: 10.31639/rbpfp.v10i18.195. Disponível em: https://revformacaodocente.com.br/index.php/rbpfp/article/view/195. Acesso em: 17 ago. 2022.