Grupos de Estudos e Pesquisas sobre o Trabalho e a Formação Docente – GETRAFOR (2008-2017)

  • Márcia Souza Hobold Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Aliciene Fusca Machado Cordeiro Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE
  • Sonia Maria Ribeiro Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE
Palavras-chave: Formação de Professores, Trabalho docente, Grupo de Pesquisa

Resumo

Este texto apresenta informações do Grupo de Estudos e Pesquisas sobre o Trabalho e a Formação Docente – GETRAFOR, mostrando um panorama de seu funcionamento e desenvolvimento das pesquisas dos projetos que estão vinculados ao grupo de pesquisa. Explicita-se a forma de funcionamento, como um grupo que abarca três diferentes projetos de pesquisa, as docentes, estudantes e professores da Educação Básica da Rede Pública de Ensino, que participaram ativamente durante os anos de 2008 a 2017. O objetivo central do GETRAFOR é realizar investigações voltadas para o trabalho e a formação docente nas várias instâncias de sua realização, sob um ponto de vista multideterminado, que considere questões históricas, políticas e culturais. Os resultados são evidenciados pelos dados dos projetos de pesquisa ao longo do texto, bem como a apresentação dos conceitos centrais de estudo do GETRAFOR e as metodologias utilizadas para o desenvolvimento das pesquisas. 

Biografia do Autor

Aliciene Fusca Machado Cordeiro, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

Doutora em Educação: Psicologia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP). Professora Pesquisadora do Programa de Mestrado em Educação da UNIVILLE na linha de pesquisa Trabalho e Formação Docente. Desenvolve pesquisas nas áreas de Trabalho e Formação docente e Educação Especial. E-mail: aliciene_machado@hotmail.com

Sonia Maria Ribeiro, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

Doutora em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba. Professora do Programa de Mestrado em Educação e do Departamento de Educação Física da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.

Referências

ARROYO, Miguel González. Condição docente, trabalho e formação. In: SOUZA, João Valdir (org.). Formação de professores para a Educação Básica: 10 anos de LDB. Belo Horizonte: Autêntica, 2007. p.191 a 209.
DUARTE, Adriana. Políticas educacionais e o trabalho docente na atualidade: tendências e contradições. In: OLIVEIRA, Dalila Andrade; DUARTE, Adriana (orgs.). Políticas Públicas e Educação: regulação e conhecimento. Belo Horizonte, MG: Fino Traço, 2011.
FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2009.
GATTI, Bernardete; ANDRÉ, Marli. A relevância dos métodos de pesquisa qualitativa em Educação no Brasil. In: WELLER, Wivian; PFAFF, Nicolle (orgs.). Metodologias da pesquisa qualitativa em educação: teoria e prática. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.
LÓPEZ , C.I. Discapacidad y docencia universitária. Disponível em: . Acesso em: 23 set. 2015.
MARX, K.; ENGELS, F. A ideologia alemã: teses sobre Feuerbach. Trad. Silvio Donizete Chagas. São Paulo: Centauro, 2002.
OLIVEIRA, D.A. Trabalho docente. In: OLIVEIRA, D.A.; DUARTE, A.M.C.; VIEIRA, L.M.F. Dicionário: trabalho, profissão e condição docente. Belo Horizonte: UFMG/Faculdade de Educação, 2010. CDROM.
VÁSQUEZ, A. S. Filosofia da práxis. Buenos Aires: Consejo Latinoamericano de Ciências Sociais – CLACSO; São Paulo: Expressão, 2007.
Publicado
21-12-2018